quinta-feira, 17 de julho de 2014

Férias em São Paulo: Pinacoteca







São Paulo é uma cidade reconhecida mundialmente pela sua intensa vida cultural. São diversos museus com exposições que agradam todos os tipos de gostos e atraem turistas de diversos países. Muitos paulistanos, entretanto, não conhecem a maior parte dessa riqueza.

A Pinacoteca é um dos museus mais tradicionais de São Paulo. De fácil acesso, conta com obras de artistas renomados, como Di Cavalcanti, Tarsila do Amaral e Anita Malfatti. São apresentadas cerca de 30 exposições por ano, além do acervo permanente, localizado no segundo andar.
Eu já havia visitado a Pinacoteca muitas vezes, adorava fazer trabalhos escolares lá. Nessa última visita, na última quarta, notei que houve grandes modificações. Criaram a “sala da memória”, feita pelos próprios visitantes, onde tudo pode ser tocado e cada um cria o seu acervo particular –MUITO legal. Além disso, algumas varandas do casarão histórico foram abertas, que nos dão uma vista maravilhosa do Parque da Luz.

·        História
A Pinacoteca foi fundada em 1905 e é o museu mais antigo de São Paulo, se localiza no antigo edifício do Liceu de Artes e Ofícios, o qual formava artesãos e trabalhadores para as oficinas e comércio. O museu é contemporâneo da industrialização do estado de São Paulo e suas obras contam a jornada dos brasileiros ao longo dos séculos.

·        Como Chegar
Chegar na Pinacoteca é bem fácil. Ela se localiza na estação luz do metrô e tem acesso à Linha 1 Azul, Linha 4 Amarela e CPTM. Na estação existem diversas placas guiando os usuários e a saída do metrô é, literalmente, na frente do museu –você só tem que ter disposição pra subir muitos degraus.

·        Meu Olhar

(clique nas fotos para vê-las em tamanho grande)

























Nenhum comentário:

Postar um comentário